O Deserto de Medeia

ACOLHIMENTO

28 de fevereiro, às 21:30

 

Nos últimos três anos, a encenadora Luísa Pinto, reuniu histórias reais de mulheres que mataram os seus filhos. Confrontando-se com os inúmeros casos relacionados com o complexo de Medeia, Luísa Pinto decidiu levar à cena uma reflexão sobre o Filicídio; crime que está longe de ser uma abominação exclusiva da antiguidade, mas que ocorre na atualidade, inundando noticiários e páginas de jornal. A encenadora desafiou Martas Freitas para escrever um texto a partir das referidas histórias. O Deserto De Medeia interroga a condição de mulheres, que matam os filhos, normalmente movidas de amor e ódio a um só tempo. O Deserto de Medeia joga-se na hibridez entre a antiguidade e a contemporaneidade transpondo barreiras entre o passado e o presente estabelecendo um paralelismo entre a Medeia de Eurípedes e as Medeias de hoje.

Esta proposta anuncia uma paisagem poética numa relação dialógica entre as palavras, a música e sons, que marcam o ritmo do movimento corporal desafiador do Flamenco; intenso passional!

Em palco e a dar corpo ao drama singular de múltiplas mulheres, está a atriz Margarida Carvalho acompanhada pelo ator João Melo, e alunos do 11ºano  da ACE- Famalicão Escola de Artes, aos quais se juntam os músicos Rui David e Paulo Alexandre Jorge, que acompanham ao vivo toda a narrativa como se de um segundo texto se tratasse.

 

Uma criação Narrativensaio-AC

 

Texto MARTA FREITAS

Encenação LUÍSA PINTO

Interpretação JOÃO MELO E MARGARIDA CARVALHO

Alunos do 2º ano da ACE ESCOLA DE ARTES DE FAMALICÃO

Composição e interpretação musical PAULO ALEXANDRE JORGE E RUI DAVID

Voz RUI DAVID

Cenografia e Figurinos LUÍSA PINTO

Execução de adereços JOSÉ LOPES

Desenho de Luz BRUNO SANTOS

Apoio ao movimento ANTÓNIO CARVALHO

Assistente de encenação CÉSAR SIQUEIRA

Assistente de produção CLÁUDIA PINTO

Créditos fotográficos PAULO PIMENTA

Vídeo Promocional CAROLINE MAIA

 

Uma coprodução Narrativensaio-AC e Casa das Artes de Vila Nova de Famalicão e ACE Famalicão Escola de Artes.

Apoio ESAP/ CESAP