Não sei o que o Amanhã Trará

Leitura obrigatória | Metas curriculares 9º ao 12º ano

 

1– O EXISTIR; 1.1 – A infância/adolescência (as mortes, as perdas); 1.2 – África do Sul (viagem, literatura inglesa…); 1.3 – Vida adulta (vida universitária, vida profissional).

2 – O ESCREVER; 2.1 – Contexto europeu e nacional (política, arte); 2.2 – Ortónimo (horror dos dogmas, labirinto dos ismos); 2.3 – Da Águia ao Orfeu para a heteronímia.

3 – O CONHECER; 3.1 – Autoanálise e procura do divino; 3.2 – Mensagem; 3.3 – O tempo da obra e o tempo da vida; O conflito base acontece à volta de três alunos que passam a noite em claro a estudar para o teste sobre Fernando Pessoa, mas que se deparam com a dificuldade de não compreender o seu Universo. A pressão, o acesso ao conhecimento, a pesquisa – questões que normalmente os alunos têm – e também os momentos de desconcentração, fazem com que, por uma espécie de sonho e de viagem através da poesia e de outros textos, as personagens do próprio universo pessoano ganhem vida através de aparições, de quadros dramáticos. Isto faz com que os três alunos tenham um novo encontro com a aprendizagem, deparando-se intuitivamente com o conhecimento de si próprios e do mundo.

 

Companhia BISTURI

Coordenação e apoio à dramaturgia ZEFERINO MOTA

Intérpretes PEDRO ROQUETTE, RITA LAGARTO E TIAGO ARAÚJO

Dramaturgia ANA DE JESUS OLIVEIRA, PEDRO ROQUETTE, RITA LAGARTO e TIAGO ARAÚJO

Informações e Contactos

Duração aproximada: 35′ (seguido de conversa com os alunos)

Local de apresentação: sala de aulas ou outra sala adequada horário a combinar mediante reserva

Número aconselhável de alunos por sessão: 2/3 turmas

 

Marcações e Preços: producao@ace-tb.com